Amor de Perdição faz parte da chamada segunda fase do romantismo, em que o amor pode levar até as últimas consequências.
A história – de amor rebelião e morte, de destruição, de fato, é que entre um jovem anarquista romântico e uma arbitrariedade e uma menina ambiente mais reacionária de um século XIX Portugal, suspenso entre a modernidade e o feudalismo – a paixão, que surgem mais do Amor de perdição é o ressentimento, sarcasmo, acidez, contra a mesquinhez e estreiteza de uma época e de um ambiente. Castelo Branco (a “Balzac Português”, viveu mal e que cometeu suicídio) escreveu Amor de perdição, enquanto ele estava preso por um crime de adultério, em seguida, preso por amor, reconstrução e romantizando uma história familiar. Um romantismo exagerado que nem sequer é mitigado por ironia ou descolamento, encontrou uma saída somente na morte de todos os envolvidos – como o autor – preferem aniquilação à perda do bem amado, e, em seguida, a única felicidade possível.

 

Camilo Castelo Branco
Amor de Perdição

Epub

 

Ebook [epub] – € 1,99

Order a printed on demand paperback copy

 
Camilo Castelo Branco – Amor de Perdição
Tag: